Como ativar o Fermento Seco e por quê?

Como ativar o Fermento Seco e por quê?

Como ativar o Fermento Seco

Como ativar o Fermento Seco. O Fermento biológico é formado por leveduras, organismos vivos microscópicos, que são ativados quando entram em contato com  o quente. Eles se alimentam do açúcar e da farinha e  liberam gás carbônico formando bolhas de ar dentro da massa  ajudando no crescimento de pães e pizzas, conferindo-lhes sabor e leveza.

São encontrados em duas versões, FERMENTO SECO E FERMENTO FRESCO

  • Fermento Fresco precisa ser mantido na geladeira e é vendido em bloquinhos úmidos, embrulhados em papel.  Contém células vivas e produz mais gás que o fermento seco.
  • Fermento Seco é submetido a um processo de secagem e é encontrado na forma de grânulos soltos. É vendido em sachês lacrados e devem ser mantidos em temperatura ambiente até ser aberto, as sobras devem ser mantidas na geladeira.

Eles oferecem as mesmas funções e podem ser substituídos um pelo outro. Basta ficar atento as quantidade, uma vez que o seco é mais concentrado ele entra em quantidade menor que o fresco.

PROPORÇÃO ENTRE SECO E FRESCO:

  • 1 tablete de fermento biológico fresco, 15g equivale a ½ sachê, 5g ou ½ colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo
  • 2 tabletes de fermento biológico fresco, 30g equivalem a 1 sachê, 10g  ou 1 colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo

Como ativar o Fermento Seco?

FERMENTO SECO e FERMENTO SECO INSTANTÂNEO

Existem 2 tipos de fermento seco: ativo e instantâneo. Ao ser ativado,  antes de ser misturado aos demais ingredientes, o fermento seco instantâneo  melhora sua capacidade, liberando maior quantidade de gases e  crescendo mais rápido.  O resultado é um  pão ainda mais leve e mais saboroso.

A quantidade de fermento determina a velocidade do crescimento da massa e seu sabor. Quanto maior a quantidade de  fermento, mais rápido a massa cresce,  mas o sabor da massa será afetado. Já uma quantidade menor de fermento pode fazer com que a massa demore  horas para crescer, mas o sabor será muito mais delicado.

Ativando o fermento seco instantâneo, aceleramos esse tempo.   O que é bom, a massa cresce mais rápido com uma quantidade menor de fermento,  o que vai  deixar  nosso pão mais leve e ainda mais gostoso.

Esse  processo esperar o fermento ativar, é conhecido como ‘provar’.  E é  tão simples, tão fácil e tão rapidinho,  que não custa nada na hora ‘h’ da receita,  2 minutinhos antes, alteramos a ordem dos ingredientes  e  ‘acordamos’ o fermento antes de usa-lo.   Faz diferença sim!

COMO ATIVAR O FERMENTO  SECO?

  1. Defina a quantidade de fermento seco a ser utilizada, conforme a receita.
  2. Em um bowl coloque  água ou leite mornos (na quantidade indicada na  receita).  Só cuidado com a temperatura. Se a água estiver muito quente o fermento pode morrer. Já se a água estiver muito fria ele não vai ‘acordar’ e o pão não cresce.
  3. Adicione o açúcar na água/leite, também na quantidade certa da receita.  Mexa até dissolver. Isso irá fornecer um pouco de comida para os fungos, estimulando seu metabolismo.
  4. Despeje o fermento na água e misture até que os grânulos desapareçam.
  5. Cubra com um pano de prato,  isso por que as leveduras gostam e trabalham melhor no escuro. Deixe entre 2 a 5 minutos. Este processo é chamado de “provar” o fermento. Significa dar um  tempo para que ele metabolize  e comece a se propagar.  2 minutos costumam ser suficientes  ou até que a superfície forme bolhas e fique espumosa, veja no vídeo . Isso indica que o fermento está saudável e ativado, prontinho para o uso. Não falei que era fácil?
  6. O resto é tudo igual só  finalizar e seguir a sua receita.

Obrigada pela companhia, até a próxima Rosi Seligra

 

  • Tempo de Preparo: 5 minutos
  • Tempo de descanso: 2 a 5 minutos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

2 comentários

  1. Neto

    Muito legal a informação sobre o processo do fermento biológico. Muito útil para mim. Obrigado.

    • Ah que alegria Neto, feliz em saber que as nossas dicas foram úteis para você! Obrigada pelo feed back e um beijão 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*