#assimqfaz Dicas culinárias

Como ativar o Fermento Seco e por quê?

0
Please log in or register to like posts.

Como ativar o Fermento Seco. O Fermento biológico é formado por leveduras, organismos vivos microscópicos, que são ativados quando entram em contato com  o quente. Eles se alimentam do açúcar e da farinha e  liberam gás carbônico formando bolhas de ar dentro da massa  ajudando no crescimento de pães e pizzas, conferindo-lhes sabor e leveza.

São encontrados em duas versões, FERMENTO SECO E FERMENTO FRESCO

  • Fermento Fresco precisa ser mantido na geladeira e é vendido em bloquinhos úmidos, embrulhados em papel.  Contém células vivas e produz mais gás que o fermento seco.
  • Fermento Seco é submetido a um processo de secagem e é encontrado na forma de grânulos soltos. É vendido em sachês lacrados e devem ser mantidos em temperatura ambiente até ser aberto, as sobras devem ser mantidas na geladeira.

Eles oferecem as mesmas funções e podem ser substituídos um pelo outro. Basta ficar atento as quantidade, uma vez que o seco é mais concentrado ele entra em quantidade menor que o fresco.

PROPORÇÃO ENTRE SECO E FRESCO:

  • 1 tablete de fermento biológico fresco, 15g equivale a ½ sachê, 5g ou ½ colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo
  • 2 tabletes de fermento biológico fresco, 30g equivalem a 1 sachê, 10g  ou 1 colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo

Como ativar o Fermento Seco?

FERMENTO SECO e FERMENTO SECO INSTANTÂNEO

Existem 2 tipos de fermento seco: ativo e instantâneo. Ao ser ativado,  antes de ser misturado aos demais ingredientes, o fermento seco instantâneo  melhora sua capacidade, liberando maior quantidade de gases e  crescendo mais rápido.  O resultado é um  pão ainda mais leve e mais saboroso.

A quantidade de fermento determina a velocidade do crescimento da massa e seu sabor. Quanto maior a quantidade de  fermento, mais rápido a massa cresce,  mas o sabor da massa será afetado. Já uma quantidade menor de fermento pode fazer com que a massa demore  horas para crescer, mas o sabor será muito mais delicado.

Ativando o fermento seco instantâneo, aceleramos esse tempo.   O que é bom, a massa cresce mais rápido com uma quantidade menor de fermento,  o que vai  deixar  nosso pão mais leve e ainda mais gostoso.

Esse  processo esperar o fermento ativar, é conhecido como ‘provar’.  E é  tão simples, tão fácil e tão rapidinho,  que não custa nada na hora ‘h’ da receita,  2 minutinhos antes, alteramos a ordem dos ingredientes  e  ‘acordamos’ o fermento antes de usa-lo.   Faz diferença sim!

COMO ATIVAR O FERMENTO  SECO?

  1. Defina a quantidade de fermento seco a ser utilizada, conforme a receita.
  2. Em um bowl coloque  água ou leite mornos (na quantidade indicada na  receita).  Só cuidado com a temperatura. Se a água estiver muito quente o fermento pode morrer. Já se a água estiver muito fria ele não vai ‘acordar’ e o pão não cresce.
  3. Adicione o açúcar na água/leite, também na quantidade certa da receita.  Mexa até dissolver. Isso irá fornecer um pouco de comida para os fungos, estimulando seu metabolismo.
  4. Despeje o fermento na água e misture até que os grânulos desapareçam.
  5. Cubra com um pano de prato,  isso por que as leveduras gostam e trabalham melhor no escuro. Deixe entre 2 a 5 minutos. Este processo é chamado de “provar” o fermento. Significa dar um  tempo para que ele metabolize  e comece a se propagar.  2 minutos costumam ser suficientes  ou até que a superfície forme bolhas e fique espumosa, veja no vídeo . Isso indica que o fermento está saudável e ativado, prontinho para o uso. Não falei que era fácil?
  6. O resto é tudo igual só  finalizar e seguir a sua receita.

FERMENTO  SECO

Obrigada pela companhia, até a próxima Rosi Seligra

 

  • Tempo de Preparo: 5 minutos
  • Tempo de descanso: 2 a 5 minutos

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Quiche de Palmito Refogado esfarela na boca!
Macarrão com Berinjela, dá vontade de comer todo dia.

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  1. Legal a dica de ativar o fermento, tô começando vender Panetones e nem sempre eles crescem como deveriam vou por a dica em prática, depois conto pra vcs o resultado… Obrigado!

  2. Muito grato pela sua orientação em relação ao fermento. Muito interessante a descrição detalhada. Valeu mesmo.

  3. Não tinha assistido ao vídeo (só lido o artigo): que lindo! Parabéns!

  4. Explicações sensacionais; muito fáceis de serem entendidas! Muito obrigada!

  5. pode sim angela, tanto a farinha e o açúcar alimenta o fermento!

  6. Olá, para dar um resultado melhor, posso misturar farinha, açucar e o fermento?

  7. Realmente eu nao sabia que tinha qie ativar antes,gostei das dicas e vou colocar em prática

  8. Olá, Debora, 1 tablete de fermento biológico fresco, 15g equivale a ½ sachê, 5g ou ½ colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo
    2 tabletes de fermento biológico fresco, 30g equivalem a 1 sachê, 10g ou 1 colher de sopa de fermento biológico seco instantâneo. Então 40g corresponde a 15g do seco!

  9. Bom dia,tudo bem,faco pao adorei suas dicas,mas gostaria de uma ajuda eu uso45g de fermento fresco,como saber quantia certa para usar seco

  10. Priscila, precisar nao precisa! Mas a gente nota que ao ativar faz diferença! Obrigada por participar e um beijão para você 😉

  11. Ola. to desanimada com minhas tentativas com pães a cuca… minha massa não cresce, fica solada, dura e pesadona… sem aproveitamento, que será que to fazendo errado???

  12. Ativei o fermento seco com leite morno e com um pouco de trigo. Era pra deixar uma hor e meia. Precisei sair e esqueci dele. Será que ainda posso usá-lo? Ja se passaram umas 8horas mais ou menos. Está fora da geladeira, dentro de uma bacia/bowl de plástico.

  13. tanto o fermento seco e o fermento seco instantâneo precisa ser ativado?

  14. ehhhh … Obrigada por participar e um beijao p vc 😉

  15. Muito legal as dicas,fazem toda a diferença no resultado final,bem explicadinho obrigada

  16. Hj vou fazer Fatias Húngaras com fermento seco e vou ativar conforme suas orientações e depois conto como ficou.

  17. Obrigada, fascinada pelo mundo dos pães, sempre tive medo de arriscar, mas agora ninguém me segura, rsrs. Moro numa chácara e recebo muitas visitas, meus netinhos amam qd faço pão por isso vim aqui pegar algumas dicas. Muito obrigada.

  18. Nossa eu nao sabia como usar o fermento isso vai me ajudar muito.. Por isso nunca acertei fazer paes… Espero que me ajude.. Obrigada pela dica e pelo conhecimento que acabei de adquiri…

  19. Fernanda, você usou o fermento seco ou o fresco? tem diferença de quantidade e o seco costuma ser mais forte que o fresco, pedindo menor quantidade na receita. Experimente diminuir a quantidade de fermento, ele compromete sabor mesmo. E deixe a massa descansar, quanto mais ela descansa mais fermenta e menos gosto de fermento tem! Depois me conta

  20. Meu pão fica com gosto e cheiro de fermento,não sei a causa disso!

  21. Mike, vale testar, eu gosto de ativar o fermento sempre, acho que faz toda a diferença! depois conta p gente aqui e obrigada por participar aqui conosco, beijão p vc

  22. Bom dia,tenho feito pão francês e eles não tem crescido,uso fermento seco,será q se eu dissolver pode dar certo?uso mistura pronta para pão francês

  23. Não é errado Silvana, é que ativando cresce mais! beijao p vc

  24. Boa tarde fiz uns pãezinhos rápido… coloquei fermento seco e não esperei crescer e nem dissolvido coloquei direto na massa…..assou não cresceu muito .pode fazer mal… nunca tinha usado….li instantâneo usei assim….errado né

  25. AH! OBRIGADA! *^*
    Sua dica ajudou muito! <3

  26. maravilha, aprendi a usar sempre o fresco, fiz pizza outro dia com o seco e depois de 40 minutos a massa tinha crescido cerca de 10% só, havia misturado o fermento na massa direto, bora fazer mais uma receita “ativando” o bichinho.kkk Obrigado

  27. Ah que alegria Neto, feliz em saber que as nossas dicas foram úteis para você! Obrigada pelo feed back e um beijão 😉

  28. Muito legal a informação sobre o processo do fermento biológico. Muito útil para mim. Obrigado.