Bechamel de Palmito, recheio mais que perfeito!

Please log in or register to like posts.
News
Bechamel de Palmito é um molho branco delicioso, temperado com noz moscada, sal e pimenta do reino. Fica perfeito como recheio de torta, quiche, empada, empadões, escondidinho.  Ou  simplesmente  servido sobre uma pasta ‘al dente’, ou ainda como creme de palmito ao lado de um  arroz branco bem soltinho para o dia  a dia … hum

Inspirado no bechamel com cebola da minha abuelita, (minha musa inspiradora na cozinha), este surpreende pelo sabor.  E  fácil de fazer,  basta apenas  dourar na manteiga uma cebola, depois colocar farinha (roux), então   acrescentar o leite  (temperatura ambiente).   Por ultimo juntar o  palmito picado e pronto! Bora já salva a receita e na primeira oportunidade, experimenta porque vale a pena, eu garanto!

bechamel de palmito, base roux com cebola dourada, leite e noz moscada.

INGREDIENTES:

  • 2 colheres de sopa de manteiga (medida generosa, bem cheinha, colher de mãe)
  • 1 cebola cortada em cubos pequenos e regulares, brunoise 
  • 2 colheres de sopa de farinha de trigo (medida generosa, bem cheinha, colher de mãe)
  • ½  litro de leite integral
  • ½ xícara de chá da água da conserva do palmito
  • 1 pitada de noz-moscada
  • sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 1 vidro de palmito picado, 300g

COMO FAZER BECHAMEL DE PALMITO:

  1. Em primeiro lugar pique 1 cebola média/grande em cubos pequenos e regulares, corte brunoise 
  2. Depois reserve  ½ xícara de chá da água da conserva do palmito
  3. Agora em uma  frigideira e em fogo médio, coloque 2 colheres de sopa de manteiga.
  4. Deixe a manteiga derreter (sem queimar) e então coloque a cebola picada, deixe por 3 ou 4 minutos mexendo de vez em quando para não queimar, até a cebola quase dourar.
  5. Então  acrescente 2 colheres de sopa de farinha de trigo, e nesse momento abaixe o fogo para mínimo.   O segredo é dourar  a farinha por  2 ou 3 minutos  até alourar, ou seja, até a farinha  dar uma torradinha sem  ficar escura, no  tom amarelo claro. A esta técnica de dourar a farinha na manteiga damos o nome de roux .
  6. Agora acrescente o leite que deve estar em temperatura ambiente (ou gelado) para não empelotar e misture mexendo rapidamente, (um fouet ajuda nessa hora),  mexendo, diluindo e incorporarando a farinha ao leite. Então junte  ½ xícara de chá da água do palmito e continue mexendo (sem parar de mexer e raspando o fundo para não grudar e queimar) até obter um creme homogêneo
  7. Por fim acrescente o sal, a noz-moscada ralada na hora (faz toda a diferença de sabor sim) e  pimenta do reino, se você se importar com os grãozinhos escuros use a pimenta branca.
  8. Deixe cozinhar em fogo baixo por uns 10 minutos, até cozer bem a farinha.
  9. Por ultimo junte o palmito picado, misture delicadamente e está pronto para servir, bom apetite!

bechamel de palmito, base roux com cebola dourada, leite e noz moscada.

bechamel de palmito

DICAS:  Para  guardar o molho bechamel cubra com com com plástico filme (ou papel manteiga) bem rente à superfície do molho. Desse modo,  evitamos uma camada de  nata se forme. Ou então, com o bèchamel ainda quente, passe um pedaço de manteiga pela superfície até formar uma capa.

E lembre-se leite sempre em temperatura ambiente  para não empelotar. Porém caso isso aconteça,  basta  bater com o mixer  (ou liquidificador) – e sempre antes de acrescentar o palmito, até ficar homogêneo.

Para servir como molho, acrescente um pouco mais de leve, ele deve ter uma consistência mais fluida, mais parecido como molho do que quando servido como recheio ou creme para o arroz branco.

bechamel de palmito, base roux com cebola dourada, leite e noz moscada.

Ah, certamente você vai querer acompanhar outras receitas como esta, pelo insta, AQUI .  Então vem com a gente!

E se você gosta de palmito, não pode perder estas outras receitas: AQUI

Obrigada e até a próxima receita, Rosi Seligra

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *