Risoto de Aspargos com amêndoas

Please log in or register to like posts.
News

Risoto de Aspargos com amêndoas, arroz  arbóreo al dente, aspargos frescos e lâminas de amêndoas torradas. Riso asparagi freschi con mandorle tostate –

Em poucos passos e  ingredientes fáceis que podem ser facilmente substituídos pelo que você tiver na geladeira.  Super dá tempo de preparar para o menu de hoje a noite, e com as pequenas dicas a seguir seu prato vai ficar pra chef nenhum botar defeito

Saudável com Sabor Incrível

100 gramas de aspargos tem só 32 calorias. As amêndoas auxiliam na perda de peso, são ricas em gordura monoinsaturada, responsável por manter o nível de açúcar no sangue estável e ativar o metabolismo da queima de gorduras ajudando a emagrecer

Prato Único, você pode e deve caprichar nos ingredientes,  se não gostar de aspargos,  é só substituir por qualquer outro de sua preferência ou disponibilidade  da sua geladeira

Alguns exemplos que harmonizam bem são:

  • camarão com espinafre ou
  • lascas de filet mignon grelhado com acelga japonesa
  • carne seca desfiada com cebola e quadradinhos abóbora assada
  • mini bufalinas frescas com tomate sweet & manjericão
  • funghi sechi
  • shimeji e shitake frescos
  • lula com ervilhas
  • queijo parmesão e raspas de limão siciliano
  • Presunto de Parma, queijo brie (e Rúcula fresca picada no prato)
  • gorgonzola com pedacinhos de damasco seco
  • ou básicos: com açafran ou  branco com champagne

e por aí vai… infinitas e maravilhosas são as variações deste prato.

Vamos lá para o ABC do nosso risoto prático?

INGREDIENTES:

  • 200 gramas de Arroz Arbório
  • 1 copo de vinho branco seco
  • 1 pacote de aspargos frescos cerca de 450grs
  • 1 alho poro (para variar o sabor pode-se substituir por um talo de salsão)
  • 1 cenoura
  • 1 cebola
  • 2 colheres de sopa de manteiga com sal
  • 1 caldo de legumes ou de carne
  • Sal se necessário
  • 150grs Parmesão Ralado Grosso à gosto
  • 100 gramas de amêndoas cortadas em lâminas
  • água para cozimento
  • Quantidade/pessoa arroz:
  • 1 xícara (chá) de arroz cru equivale a 2 ½ xícaras (chá) de arroz cozido.

Calcula-se, aproximadamente:

  • ½ xícara (chá) de arroz cru por pessoa

(no caso de a receita ser o prato principal).

Comprar o arroz certo é o primeiro passo para risoto de sucesso. O tipo arbóreo e carnaroli, são ótimos  Eu, prefiro o arbóreo que dá mais cremosidade e facilita na hora de dar o ponto certo. Já o carnaroli demora mais para cozinhar, porém absorve melhor o sabor dos ingredientes.

O importante é ‘testar’ os dois pra saber qual dos sabores você prefere. E observar os grãos, os melhores são os mais curtos e mais brancos, quanto mais branco, mais amido.  Ah e não dá pra substituir pelo  tipo ‘agulinha’ de jeito nenhum.

 

COMO FAZER:

  1. Corte a cebola grosseiramente tipo ‘net’ tipo ‘julienne’ e leve ao fogo alto com 1 colher de manteiga com sal.(Se não gosta de sentir os pedacinhos da cebola rale no ralador)
  2. A manteiga… Nunca, jamais, em tempo algum use margarina! Margarina só para bolos! A manteiga faz TODA a diferença num bom risotto.
  3. Use sua melhor caçarola larga, com fundo grosso para manter melhor temperatura
  4. Fogo: deve ser forte no início (até que o vinho evapore) e médio durante a absorção do caldo, além de propiciar um cozimento constante e uniforme em todas as camadas de arroz.
  5. Refogue em fogo médio por 1 minuto apenas, não mais que isso, a cebola não deve cozinhar muito senão carameliza e dá gosto doce acentuado ao risoto.
  6. Rale a cenoura direto na panela mesmo em ralo fino, ela trará cor natural & sabor.
  7. Corte e pique 1 alho poro. Acrescente e misture bem, refogue por 2 minutos.
  8. Este ‘quarteto de refogado’ alho poró + cenoura + cebola + manteiga pode servir de base para qualquer risoto que você for preparar.
  9. Quem me ensinou, pessoalente esta super  dica foi o chef italiano, Dario Rossera, proprietário do premiado restaurante Villa Verde em Cunha, Paraty.
  10. Enquanto isso, lave bem os apargos em água corrente, corte desprezando a ponta do talo, que costuma ser fibrosa e pique o restante em fatias, deixando as pontas maiores como na foto.
  11. reserve
  12. Após refogado
  13. acrescente 1 copo de arroz
  14. (nada de lavar o arroz, pelo amor!  conheço gente que lava até carne moída
  15. não lave os grãos, uma vez  que a água estimula a liberação do amido e inicia um processo de amolecimento antes da hora.)
  16. Misture bem e em seguida coloque 1 copo de  vinho branco seco. Não pode ser qualquer vinho, nananinanão!
  17. SEMPRE use um bom vinho no preparo de qualquer prato, pois se o vinho é ruim o  sabor vai ficar no prato…
  18. Não tô falando pra gastar os tubos num vinho pra colocar no arroz… existem vinhos chilenos/argentinos por volta de R$25,00 a R$40,00 e que fazem bonito, seja na taça ou na panela.
  19. Coloque 1 caldo de  sabor à seu gosto (eu usei de carne)  ou qualquer outro tempero de sua preferência.

O ideal seria usar um caldo caseiro bem gostoso

  • Caldo de Carne, aqui
  • Caldo de Frango, aqui
  • Caldo de Legumes, aqui

Uma dica super importante é que a água seja incorporada aos poucos. Acrescente 1/2 copo de água, cozinhe, misturando e ao ‘secar’ acrescente mais 1/2 copo de água e siga assim mexendo sempre  por aproximadamente 15 minutos até o arroz estar no ponto.

O arroz nunca cozinha em menos de 10 minutos e jamais pode passar de 19 ou 20 minutos)

Você sabia que a expressão ‘al dente’ não se aplica ao risoto? E sim, e somente ao macarrão? Para definir o ‘ponto certo’ do risoto, arroz no ponto, são grãos cremosos por fora e firmes por dentro.

Segundo Salvatore Loi, chef do Restaurante Fasano, risoto bom é risoto no ponto, nunca fala que está ‘al dente’.

‘Al dente’ para massa é quando você sente o miolo mais resistente. -“Miolo resistente em risoto é arroz ‘crú'”, afirma o chef.  Para saber se o risoto está no ponto certo,  a melhor dica é morder um grão de arroz pouco cozido, você verá um pontinho esbranquiçado, bem no centro – o ponto correto não é esse.   Você precisa ir provando de tempo em tempo até perceber que o pontinho branco é mínimo ou que não há mais pontinhos brancos no meio, dependo do seu gosto.

O melhor ponto é aquele que você gosta.

Torre as amêndoas 2/3 minutos fogo médio, numa frigideira a parte para ficar mais crocante e sabor mais concentrado e reserve

20.Rale cerca de 150grs de parmesão no ralo grosso e reserve. Queijo e  Vinho  precisam ter boa qualidade

21. Use bom queijo parmesão, rale no ralador  grosso ou fino, como preferir,  mas use SEMPRE o queijo ralado na hora! Nunca use o  queijo de saquinho, você vai ‘estragar’ seu risoto.

22. O mesmo vale para a pimenta do reino branca, caso goste, use sempre a ralada na hora,  ah tem siimmm toda e muita diferença de sabor.

23. Acrescente os aspargos crus e cozinhe por  2/3 minutos (aspargos são macios e ficam prontos rapidamente, se cozinhar por mais tempo ele vai ‘passar do ponto’, e o ideal é ficar levemente crocante.)

24.Coloque a outra colher de manteiga para que o risoto tenha aquele aspecto ‘brilhante’.

25.(Experimente se achar necessário acrescente 1 colher de café rasa de sal, eu não coloquei, não achei necessário.)

26.Tampe a panela deixando descansar por mais 1 minuto enquanto você prepara a mesa, pois  “Il riso è pronto”, está pronto!  O risoto deve ficar cremoso de forma que caia da colher e não como um “bloco”.

27.Arroz ao centro, polvilhado com amêndoas torradas crocantes e parmesão ralado grosso nas lateriais.

Dos deuses, Riso asparagi freschi con mandorle tostate, Arroz  Aspargos Frescos & Amêndoas Torradas. Super dica pra semana. Bon Appetit!

Obrigada pela visita e um beijão para você,  Rosi Seligra.

 

Salvar

2 comments on “Risoto de Aspargos com amêndoas

  1. Eu publiquei uma receita de risoto de aspargos que voc

    • Olá Hanna, acabo de visitar seu blog, Feliz que gostou do risoto!;) Obrigada pela participação e um beijao p vc

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *