Molho Alla Puttanesca

Please log in or register to like posts.
News

Molho  Alla Puttanesca . Mangia che te fa bene    Já era  a época em que os italianos eram os ‘recordistas no consumo do macarrão’.

Você sabia que hoje nós somos o terceiro maior produtor de macarrão do mundo? E que cada brasileiro consome em média,  6,6 quilos de macarrão por ano?  Uau paixão nacional

De preparo super fácil & rápido. Perfeito, na correria nossa de cada dia, este molho é um ‘coringasso’ Vai dar uma mãozinha nessa hora, na cozinha.

Saboroso & Nutritivo.

Alla Puttanesca! Este  conhecido molho italiano, tem nome e origem bastante peculiares. Significa “à moda das prostitutas”. Segundo o livro ‘Naples at Table’, nasceu nos bordéis dos “Quartieri Spagnoli”, em Nápoles. É isso mesmo? Entre as prostitutas? E na zona? Siiimmm, vai ver que é por isso que ele é tão … tão … tãããão … gostoso!

Quem me ensinou a preparar,  foi um autêntico cidadão Italiano, de Nápoles. Segundo ele, esta é a verdadeira receita ‘Alla Putanesca’ e não leva Anchovas, não!  Tudo de bom pra mim que não gosto mesmo de anchovas.

INGREDIENTES:

  • 350g de macarrão longo Spaguetti eu usei um Bavette número 13
  • 600g de tomates Italianos
  • 1 vidro de 100ml de alcaparras
  • 1 vidro 250ml de azeitonas pretas
  • 6 dentes de alho
  • Azeite extra virgem
  • Pimenta do Reino moída na hora
  • Sal à gosto

Esta quantidade serve, bem servido, 2 pessoas

Sr Angelo, quem me ensinou o preparo, me mataria se soubesse que uso alcaparras em conserva na água, pra ele só poderia ser com as alcaparras conservadas no  sal e as pequeninas, as menores tem muito maior sabor. E, cá entre nós,  ele tem toda razão, na água o sabor se perde, tem muita diferença de sim. Mas,  improvisei usando as de conserva na água mesmo, que era a que eu tinha em casa.   Fica dada a boa dica, mais gostosa pequeninas e conservadas somente no sal.  Para utilizá-las,  basta retirar o sal das alcaparras,  com ajuda das  mãos, dando leve batitinhas assim o sal sai,  nem pense em  lavar, basta   separa-las do sal e neste caso não adicione sal ao preparo do molho.

COMO FAZER:

  1. Antes de qualquer coisa, coloque a água para ferver com  1 colher de sopa de sal. Não coloque fio de óleo nem de azeite.
  2. Descasque os alhos, tire o caroço das azeitonas – não pique as azeitonas, deixe-as inteiras, apenas retire o caroço.
  3. Pique os tomates tipo Italiano, com a pele e semente, em quadradinhos. Precisa ser o Italiano? Siiimmmm precisa,  sim. O Italiano é mais doce e bem menos ácido vai deixar seu molho muito, mas muito mais gostoso. É lógico que se não tiver em casa, também  pode, usar outro tipo de tomate, tipo net mesmo, e aí, talvez você precise colocar uma pitadinha de açúcar para tirar a acidez, e aí você já mudou tudo e aí melhor usar o tipo Italiano mesmo!
  4. Coloque o Azeite à gosto na frigideira, usei  entre 3 colheres de sopa. Neste momento,  abri meu  vinho,  cortei umas lascas de parmesão… e brindei agradecendo as prostitutas de Nápoles por terem criado este prato, Salute!
  5. Com o fogo ainda desligado, pique o alho direto na frigideira mesmo, tipo à julienne, se não gosta de sentir os pedaçinhos de alho no molho, é só amassar ou ralar.
  6. Ligue o fogo médio e deixe o alho dourar, cuidado para o alho não passar do ponto e ‘dourar’ demais, isso amarga o molho. Coloque as azeitonas e as alcaparras mexa e refogue-as por cerca de 2 minutos
  7. Acrescente os tomates. Misture bem, acrescente pimenta e uma pitadinha de sal, cuidado com o a adição de sal pois a alcaparra já é salgadinha.
  8. Cozinhe o molho, em fogo médio, por cerca de 10 minutos, os tomates não podem desmanchar devem ficar inteirinhos.
  9. Esse tempo é o tempo exato,  de cozinhar o macarrão que precisa ser grano duro
  10. Não dá pra usar o genérico,  com ovos,  nããão! Deve ser servido ‘al dente’.
  11. A pasta ‘al dente’ estará pronta, entre 6 e 13 minutos, depende do tipo e da marca do macarrão escolhido, a minha ficou pronta em 8 minutos observe sempre as indicações de cozimento na embalagem. Uma dica é cortar, a massa  e observar o ‘fio’  por dentro. Estará ‘al dente’ assim que esse ‘fio’ desaparecer. Veja esta e outras dicas para preparar uma autêntica pasta al dente aqui
  12. Ainda segundo Sr Angelo, este prato não combina com queijo, mas aqui em casa, por exemplo,  ninguém abre mão do peccorino ou do parmesão ralado.
  13. O certo e o errado quem determina é o paladar. O que combina o que não combina,  é a sua preferência.
  14. Parmesão precisa ser de boa qualidade. Use bom queijo parmesão, rale no ralador  grosso ou fino, como preferir,  e use SEMPRE o queijo ralado na hora!
  15. Queijo de saquinho, vai ‘estragar’ sua pasta. O mesmo vale para a pimenta do reino, caso goste, use sempre a ralada na hora e tem sim muita diferença de sabor.
  16. Escorra o macarrão  e coloque 1 colher de manteiga,  eu disse manteiga, nada de margarina por favor, margarina só pra bolos. A manteiga aqui, além de um toque de sabor, entra para ajudar a massa a não grudar, misture bem e sirva
  17. Para que seu prato tenha  uma bela apresentação. Não incorpore à massa ao molho Sirva, colocando o macarrão no prato e o molho ao centro, , afinal nossa primeira digestão, começa com a visão

La Tavola!

Mangia che te fa bene! e Bon Appétit  Alla Puttanesca, é fácil, experimenta! Você vai amar

Obrigada por vir, Um beijão para você , RosiSeligra

 

 

 

Salvar

Salvar

6 comments on “Molho Alla Puttanesca

  1. Rosi, fiz junto com meu marido : simples e maravilhosa !!! Muito obrigada por compartilhar !

  2. Delicia!!!
    Acabei de fazer, segui a risca a receita, ficou perfeita!
    🙂

    • Que legal Patricia, Feliz que aprovou! Obrigada por compartilhar sua experiência! Um beijão p vc

  3. Adorei….fácil….a receita modificada sem a anchova ficou mais prática !!!

    • Jeanette que bom que gostou! O molho fica muuito mais gostoso e mais leve. Experimenta! Obrigada pela visita um beijão para você 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *